The Avengers - RPG
HEY YO;
Estamos nos mudando para ESTE fórum. (100% nosso e ativado)

É membro?! Veja a MP de aviso.

O link do forum não aparece?! Tente esse: http://avengersthegame.forumeiros.com

Ficha de Personagem - Kylle R. Hanner

Ir em baixo

Ficha de Personagem - Kylle R. Hanner

Mensagem por Kylle R. Hanner em Dom 16 Fev - 13:11

Imagem: Como não é essencial deixo este quesito sob responsabilidade da foto do avatar.

Nome: Kylle Ronnald Hanner.

Codinome: O Mentalista.

Idade: 16.

Grupo: X-Men.

Espécie: Mutante.

Aparência do personagem: Olhos perceptivelmente azuis, cabelos castanhos claros. Uma pele um tanto bronzeada, e com algumas cicatrizes pequenas e praticamente incógnitas pelo corpo. A principal é uma cicatriz na testa, maioria do tempo oculta pelos cabelos, devido a uma forte pancada na cabeça. Possui uma cicatriz na nuca, de uma queimadura, e seu formato lembra muito um pássaro - ou, uma fênix.

Psicológico do personagem: Um garoto aparentemente feliz. Não se enturma com facilidade, e sequer tenta. Possui certos traumas devido a seu passado sombrio e desconhecido. Seus medos são grandes, e o principal, é ter grandes perdas. Por conta disso busca não se relacionar muito. Possui uma enorme dor em seu coração - e a principal delas é não saber quem ele é. Em geral é calmo, mas quando está muito triste ou com muita raiva perde total controle de seus poderes, não se preocupando nem um pouco em consequências. Tem um instinto protetor que o próprio não compreende, mas que é viável em muita das vezes.

Poderes/Habilidades Sobre-humanas: Telepatia, Telecinese Molecular e Psicocinese.

Descrição de Poderes: Telepatia: Capacidade de ler mentes, projetar seus pensamentos nas mentes de outros com pura força psiônica, projetar seus pensamentos nas mentes de outras pessoas para influenciar as decisões (nem sempre com sucesso), manipular e alterar memorias, colocar alguém sob seu comando telepático, criar projeções astrais e mentais. Sua telepatia permite também atordoar seus inimigos com raios mentais, e ao focar sua energia mental em um alvo específico, ele pode disparar explosões de força psiônica devastadoras. Capaz de absorver os conhecimentos de outros. Possui no campo da Telepatia, a capacidade de armazenar e processar vastas quantidades de informações em sua memória, dando-lhe uma capacidade de aprendizagem sobre-humana.

Telecinese Molecular: Assim como a telecinese geral, pode levitar e mover objetos, mas dessa vez isso ficou muito mais fácil, até usando só a mente, porém, a telecinese molecular vai mais além, ela dá a capacidade de controlar átomos e partículas individualmente, assim podendo até dissolver e retalhar materiais sólidos, controlar e desviar raios de energia, mudar sua composição ou sua forma física.

Psicocinese: É a habilidade de fazer o que quiser com a força da mente, fazendo metais dissolverem, papéis queimarem, ventos, tempestades, chuvas, raios, incêndios, vulcões entrarem em erupção e qualquer outra coisa;é uma forma/expressão da onipotência,só que precisa da força da mente para ser executada.

(Vale lembrar que Kylle não possui controle ou sequer poder sobre maioria de seu alcance mental. Boa parte de seus poderes - principalmente a Telepatia e a Psicocinese - não estão em total estágio, sendo esta lista, uma prévia de até onde seus poderes podem chegar em um nível muito alto. Em questões de Telepatia, inicialmente apenas comunica-se mentalmente e possui uma pequena capacidade de revirar as memórias dos demais [mas não alterando-as, apenas vendo e tocando em seus pontos fracos], sendo suas demais capacidades alcançadas em níveis futuros após muito treinamento. O mesmo para a Psicocinese, que inicialmente, acredita poder apenas fazer surgir fogo em objetos, incêndios [em escalas nem um pouco apelativas] e provocar ventos razoáveis.)

Perícias: Não possui.

Equipamentos: Possui um uniforme que usa em seus combates. Ganhou assim que teve seus treinamentos iniciados no Instituto Xavier para Jovens Super Dotados. Um macacão preto que lhe cobre todo o corpo. Possui luvas e botas pretas, com pequenos detalhes avermelhados. Usa sempre por cima uma jaqueta de couro sem mangas compridas e nem um pouco grossa, com polo contornada em detalhes vermelhos, assim como o resto da jaqueta. A mesma possui um círculo vermelho com um "X" dentro, em cima do coração, como um distintivo.

Fraquezas: Apesar de possuir uma mente poderosa, sua mente é muito vulnerável também. Ataques mentais vindos de outros telepatas lhe causam muito atordoamento, principalmente quando tentam infiltrar em suas memórias anteriores aos seus 14 anos de idade - pois elas não existem mais. Quando está próximo a um telepata, tenta bloquear sua mente mas raramente tem sucesso. Possui também muitos medos consequentes de seu passado desconhecido, e quando está diante de algo que lhe lembre tais coisas (como doutores/médicos, aparelhos medicinais, salas pequenas e fechadas com luzes brancas e fortes) se sente confuso, perdido, fora da realidade. Fica fora de si, entrando em completo desespero.

Afiliações: As únicas pessoas que conhece são os habitantes do Instituto Xavier para Jovens Super Dotados, como o professor Charles Xavier e seus alunos. Não possui afinidade com nenhum deles - e nem deseja ter.

História:

   A tortura só estava começando quando todos naquela sala estavam olhando pra mim. Não gosto disso. Não gosto de pessoas. Não gosto de mim. Não gosto do que eu posso fazer. Estava sentado em um sofá bem confortável em uma sala grande e, diga-se de passagem, um tanto luxuosa. Bem, era o lugar mais luxuoso que eu já havia entrado em toda a minha vida. O homem em minha frente estava sentado em uma cadeira de rodas. Fora ele, haviam várias outras pessoas na sala - pessoas que eu não desejei, não desejo e nunca desejaria conhecer. Quero ir embora.
   - Então, Kylle - dizia o careca cadeirante que chamavam-no de "Professor X" - , gostaria de falar um pouco sobre você?
   - Eu não tenho nada para falar sobre mim. - Falei, ríspido e grosso. Não me importo em parecer educado. Só me importo em ficar sozinho.
   - Bom, então poderia mostrar um pouco de você. - Disse ele. Eu sei do que ele está falando. Da minha maldição. Da minha deformidade genética. Sou uma aberração. Algo que não devia existir. Assim como todos presentes nessa sala. Todos um bando de monstros. "Por favor Kylle. Não custa nada." Disse uma voz em minha mente. Mas não era do tal Doutor Z, ou seja lá como chamam ele. Pelo jeito não sou o único telepata presente nesta sala. "E não é mesmo." Mas quem... "Meu nome é Jean Grey. Assim como o professor, e assim como você, eu sou uma telepata." Espertinha... Eu não quero mostrar minhas habilidades. Eu não gosto.
   - Então deixa eu ver se entendi. É como naqueles programas de talentos? - zombei - Eu mostro o que sei fazer e se for legal eu passo? - Eles não pareceram achar graça. Perfeito. Quero que vejam o quão ridícula está sendo esta reunião. Eles não pareceram levar na esportiva. Principalmente o cara com óculos escuros. Ele se enfureceu e foi em minha direção, me levantando pela gola de minha camiseta.
   - Escute aqui moleque, isto não é brincadeira. Levamos essa escola a sério, então é bom parar com as piadinhas. - Notei que abaixo de seus óculos escuros haviam duas luzes vermelhas.
   - Por que você não nos mostra sua habilidade primeiro? - Disse, e percebi que usar minha telecinese para arrancar os óculos de seu rosto foi um dos maiores erros de minha vida. Luzes, não, raios vermelhos saiam de seus olhos. Suas rajadas ópticas atingiram em cheio minha face e caí no chão atordoado. Não consigo ver direito, mas consigo sentir quem está ao meu redor. Aponto minha mão para a direção em que eu estava antes e com um mínimo esforço mental consegui jogar alguém em direção a parede. Alguém está tentando invadir minha mente, mas eu não vou deixar. Mas eu também não consigo me concentrar em duas coisas ao mesmo tempo. Não poderei bloquear minha mente. Bem, dane-se. Fico de pé com certa dificuldade, ainda atordoado pela rajada e então vejo que muitos tentam me acalmar. Uma mulher afrodescendente de cabelos brancos tenta vir em minha direção, mas facilmente consigo impedi-la com minha telecinese, e a empurro para o outro lado da sala. Uma ruiva - a tal Jean Grey - tenta se aproximar de mim e tocar sua mão em minha cabeça, para que entre em minha mente, mas eu consigo fazer seus calçados pegarem fogo. Jamais achei que conseguiria por fogo em outras coisas novamente. Nunca mais havia praticado minha psicocinese.
   - Basta! - gritou o tal Diretor W e com apenas um olhar, eu caio de joelhos, sem ter alguma chance contra ele. "Bem, a única maneira de saber quem é você é entrando em sua mente, pelo visto". Eu tenho um fraco por telepatas. Não consigo bloqueá-los depois que estão em minha mente. "NÃO!", gritei em minha mente, e então, eu pude sentir meu cérebro se esfarelando. Ele está tentando acessar minhas memórias. Isso dói. Elas não existem mais. E se existem, não estão comigo. E por mais que ele tente, só irá me causar mais dor. Sinto o sangue quente escorrendo por meu nariz, e ele finalmente me deixou com raiva. Muita raiva. Não posso permitir que ele continue com isso. Escuto vários barulhos, várias pancadas. Alguns gritos e pedidos de socorro. E então percebo que ele chegou em um pedaço de minha mente que até mesmo eu hesitava em acessar. Um sonho que tive noite passada. Eu estava preso em uma mesa cirúrgica. Vários doutores ao meu redor me examinavam e mexiam em meu corpo com aparelhos. Eu sinto que estão coletando meu sangue, e que alguma parte de meu abdome está aberta. Eu não sei o que eles estão fazendo, mas uma agulha diferente das outras faz com que o sonho mude de cenário. Estou agora nos escombros de algum tipo de casarão que acabou de ser incendiado. Há muito fogo ainda ao meu redor. Estou em partes queimado, e minha cabeça dói. Há um homem de pé ao meu lado e ele está dizendo palavras estranhas, em uma língua estranha. E então o sonho tem fim.
   Quando abro os olhos e a dor passa, vejo que algum furacão passou na sala. Ouvi dizer que a tal mulher afrodescendente podia controlar o clima. Talvez ela tenha se descontrolado. Mas vejo que não foi ela quando percebo o sofá em chamas atrás de mim. Fora isso, há vários objetos menores presos no teto por telecinese. Não consigo baixá-los. Mais uma vez eu me descontrolei.
   - Você não devia ter feito isso Senhor T - disse ao velho cadeirante careca. - Minhas memórias foram apagadas.
   - Não... Elas foram... Foram... - ele gagueja. Estou pensando em dar uma infiltradinha em sua mente, concertar sua gagueira e me aproveitar para uma pequena vingança mental.
   - Foram o que? - grito com ele.
   - Roubadas.
avatar
Kylle R. Hanner
Independente
Independente

Alcunha : O Mentalista

Ficha na S.H.I.E.L.D
Habilidades: Telepatia, Telecinese Molecular e Psicocinese
Level: 1
Equipamentos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ficha de Personagem - Kylle R. Hanner

Mensagem por Erick Balderson em Dom 23 Fev - 19:20

Olá Kyle,como prometido aqui estou eu julgando a sua ficha para tu...
Bom eu particularmente gostei do mudo que você descreveu o psicológico e os poderes,e claro.
Sobre o psicológico todos podemos pelo menos um pouco nos identificar com o Kyle:Uma vez ou outra sempre que temos medo de uma coisa,temos medo de tentar.
Sobre os poderes:Foi uma boa descrição,contando detalhadamente não o que ele pode fazer,mais o que ele poderia fazer,seu potencial oculto e tudo mais
No entanto uma pequena imperfeição me chamou atenção:o modo que vc descreveu a luta contra os x-Man a Jean e a tempestade chegando perto para lutar e o Scott sem óculos e seu rosto ficou inteiro.
Mais este é um erro pequeno e eu n vou ser tão pé no saco de pedir pra vc mudar por isso
Resumindo:Pode jogar

▂ ▃ ▄ ▅ ▆ ▇ █ ▇ ▆ ▅ ▄ ▃ ▂

"Filho da Luz"
"A verdade e o que nos faz viver como Sábios e ser inocentes como criança.A verdade e que tudo que voçe vê não passa de um sonho.E a luz que realmente existe esta em tudo sendo assim não há sombras"
A verdade fala por mim
avatar
Erick Balderson
Herói
Herói

Alcunha : -
Power Force : 182
Experiência : 2
Idade : 18
Terra Natal : Asgard
Ocupação : Ex-general das tropas Asgardianas,herdeiro de Sigurd .

Ficha na S.H.I.E.L.D
Habilidades: Superforça, Fotocinese, Super-Reflexos, Projeção de Energia, Super resistência, Regeneração Celular Espontânea, Voo, Envelhecimento Lento e Habilidades em Combates Armados e Desarmados
Level: 2
Equipamentos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum