The Avengers - RPG
HEY YO;
Estamos nos mudando para ESTE fórum. (100% nosso e ativado)

É membro?! Veja a MP de aviso.

O link do forum não aparece?! Tente esse: http://avengersthegame.forumeiros.com

[FP] Charlotte T. Cross

Ir em baixo

[FP] Charlotte T. Cross

Mensagem por Charlotte T. Cross em Sab 20 Jul - 22:23

Modelo de Ficha

Nome: Charlotte Taylor Cross

Codinome: Púrpura

Idade: 18

Grupo:  X-Men

Espécie: Mutante

Aparência do personagem: A pele de Charlie é levemente bronzeada e seus cabelos estão entre o loiro escuro e o castanho claro. É uma garota muito bela, com seu corpo com curvas bem delineadas, e sempre com um olhar misterioso em seus belos olhos verdes.

Psicológico do personagem: É o tipo de garota que é decidida, confiante e imprevisível. Suas palavras mais parecem charadas a serem decifradas do que propriamente frases ditas. Ela tem dificuldade de se relacionar por isso, mas não é uma má pessoa. Ela só é uma garota confusa que acabou de descobrir que é mutante. Ela pode ser muito doce e feliz com aqueles que conseguem quebrar as paredes que ela impôem como defesa. Mas essa tarefa não é fácil.

Poderes/Habilidades Sobre-humanas: Meditação Púrpura, Proteção Mental, Controle de Sonhos, Mente Sonhadora.

Descrição de Poderes:  

Meditação Púrpura – Após um tempo de concentração, a pele de Charlie torna-se de uma pedra desconhecida, de cor púrpora, a tornando invulnerável a ataques físicos. Seus olhos brilham com esmeraldas, permitindo com que ela fique super forte e super agil.

Proteção Mental – Consiste em ser inatingível mentalmente, ou seja, não dá pra ler sua mente, controlá-la ou causar dor através dela.

Controle de Sonhos – Ela tem a capacidade de controlar os sonhos que ela e outras pessoas estão tendo. Ela sempre sabe quando esta sonhando.

Mente Sonhadora  – A mente dela projeta um sonho qualquer, que é cocretizado no mesmo instante. Funciona como se ela estivesse dormindo acordada.

Perícias: Perícia em Lutas, Perícia com armas de fogo.

Equipamentos:  Moto Transmorfa X(Anda na água, ao ativar um botão)

Fraquezas:

Meditação Púrpura – ela fica impossibilitada de utilizar Proteção Mental, Controle de Sonhos e Mente Sonhadora, assim como exige 2 turnos de concentração, no mínimo.

Proteção Mental – Existe apenas uma maneira de furar esse bloqueio. Mas para isso, você precisa ser a Vampira dos X-Men, ou ter poderes parecidos com os dela.

Controle de Sonhos – Não pode controlar o sonho de niguém que tenha algo parecido com a Proteção Mental, e nem de ilusionistas.

Mente Sonhadora  - Não pode sonhar com a morte de ninguém, nem alterar o futuro da humanidade, e muito menos sonhar que tem um poder que não tem.  O uso exessivo do poder cansa sua mente.

Afiliações:  Raven D’arkholme(mãe?), Christian Cross(pai), Lauren Cross(mãe adotiva), Homem-de-Gelo(professor do Instituto).

História:

Bem, a minha história começa no dia de meu nascimento. Meus pais biológicos, me abandonaram, mesmo sem eu nunca saber o porquê, em uma casa de um casal extremamente carinhoso e atensioso, chamados Christian e Lauren Cross. Ele era super legal comigo, ela era meio fria, mas tentava ser legal, o que fez com que eu nunca me prendesse a história dos meus pais biológicos, e sim amasse intensamente meus pais adotivos.

Um dia eu estava na escola durante uma aula, e acabei por dormir. Fazer o que se a aula era extremamente chata? Acabou que eu sonhei com a própria aula. Mas era extranho, porque eu percebia que estava sonhando, sabe? Aproveitei pra tentar controlar o meu sonho, coisa que eu tenho certeza que você já fez também. Imaginava que um garoto, por quem eu tinha uma quedinha,  me chamava pra sair, eu aceitava, e por fim a professora liberava a turma mais cedo.  E eu desejei que esse sonho se cumprisse.

O que aconteceu a seguir foi muito estranho. Eu senti um lápis me cutucar, e assim que virei meu rosto para ver quem era, percebi que era o tal garoto.

-E ai? Quer sair hoje a noite? – ele sorriu, após sussurrar aquelas palavras.

-Claro! – eu disse um pouco mais alto que devia.

-Vejo que a aula não está tão interessante assim, não é? – ela disse, e achei ela falava comigo – Bem, vou liberá-los mais cedo, hoje. Preciso resolver uns problemas. Só não contem para o diretor Daniels. – Ela piscou, rindo. Como no sonho.Mas como? Isso não era possível!

Sai da aula com o garoto, que logo descobri ser um idiota. Dei o fora nele, e fui para casa, aonde encontrei meus pais, discutindo com um homem. O que estava acontecendo ali, afinal? Bati a porta para ser notada.

- Charlotte! – disse o tal homem se aproximando de mim – Como foi a escola?

-Desculpa, mas, quem é você? – perguntei para ele.

-Sou Bobby Drake, prazer. – ele estendeu a mão, mas eu apenas segui encarando-o.

-Olha, gente, eu só vim ajudar! – ele resmungou, mais com os meus pais do que comigo. Do que ele falava. Ele voltou seu olhar para mim.  – Eu sei que alguma coisa estranha aconteceu com você ultimamente. Estou errado, Charlotte?

Encarei o chão, lembrando de minha manhã estranha. Duvidada que ele estivesse falando disso, mas aquilo era a única coisa estranha que o correra. Suspirei, e neguei com a cabeça.

-Como vão seus sonhos Charlotte? – ele disse, eu gelei - Todos sempre se realizam?

Encarei seus olhos azuis assustada com a boca entreaberta.

-Como você... – eu começei a perguntar, e Bobby se virou em direção de meus pais. – sabe?

-Um carequinha no Instituto onde moro me contou – ele sorriu.

-Ela não vai para o Instituto Charles Xavier, Drake,esquece! – minha mãe gritou. – Ela não vai ser tachada de mutante pela sociedade!

-Mutante? – perguntei bastante assustada. – O que é isso?

-É o que te torna especial, Charlotte. – Bobby sorriu amplamente, mas logo desfez o sorriso – E o que pessoas como sua mãe não aceita.

-Eu sou casada com um mutante, Drake, não seja tão estúpido! – minha mãe disse, ríspida.

-Então porque tá com raiva por eu ser mutante? – eu perguntei, um pouco revoltada.

-Por causa da sua mãe, Charlotte. - ela disse com ódio nos olhos, e pela primeira vez na vida tive medo dela. - Por ela quase ter causado o fim do meu casamento. - Ela segurou meu braço com força. - E por ter tido você, com o meu marido.

Engoli à seco aquelas informações, com os olhos arregalados.

-Quem é minha mãe? – perguntei para a pessoa que antes chamava de mãe, mas que agora era minha madrasta.

-Raven D’arkholme- Drake disse, sério. Pera aí, ele sabia? –Ela é uma mutante perigosa, uma terrorista.

Arregalei ainda mais os olhos, enquanto as lágrimas caíam.

-Calma, garota. – Bobby disse, afastando Lauren de mim. Meu pai, que apenas assistia tudo, atônito, veio até mim e me abraçou. – Eu sei que esse momento é difícil, Charlotte mas você já é maior de idade e pode tomar essa decisão sozinha. Vem comigo para o Instituto para nós mostrarmos como usar seus poderes?

Olhei para meu pai. Ele sorriu, como se permitisse que eu partisse com Bobby.

-Eu vou com você. -sorri, deixando uma madrasta furiosa, um pai orgulhoso, e uma vida de mentiras para trás.
avatar
Charlotte T. Cross
X-Men
X-Men

Alcunha : Púrpura
Idade : 23
Terra Natal : Montgomery, Alabama
Ocupação : x-men, estudante

Ficha na S.H.I.E.L.D
Habilidades: Meditação Púrpura, Proteção Mental, Controle de Sonhos, Mente Sonhadora.
Level: 1
Equipamentos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Charlotte T. Cross

Mensagem por Vladimir S. Rivers em Seg 24 Fev - 19:58

Ficha Aprovada! Sua ficha é de história simples, curta e direta, com poucos erros e bem certinha. Adorei os dons e a descrição deles, e foi bom(ótimo) descrever as fraquezas. Movida para Aprovadas.
avatar
Vladimir S. Rivers
Vilão
Vilão

Alcunha : Red Snake, Ares, Marte, Senhor Marte, Sir Death.
Idade : 33
Terra Natal : Moscou, Rússia
Ocupação : Modelo, Ator, Ex-Stripper, Ex-Garoto de Programa.

Ficha na S.H.I.E.L.D
Habilidades: Necromancia, Magia Negra, Mimetismo Serpentino e Telecinesia
Level: 1
Equipamentos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum